Últimas Notícias

Você sabe o que é o pé diabético?

28 de Janeiro de 2021

Uma das complicações mais comuns da diabetes é o “pé diabético”. Nessas situações, aparecem feridas complexas, deformidades e alteração da sensibilidade nos pés. Em muitos casos, o diabético não sente dores e não percebe alterações nos pés. Pequenos cortes, arranhões e inclusive, lesões maiores acabam passando despercebidas. De acordo com a enfermeira do Sistema Unimed Teresina, Anacelis Bezerra, a lesão só passa a ser notada, quando já está extensa ou com odor fétido, agravando o quadro e tornando o ferimento mais vulnerável a infecções e processos invasivos (como amputação).

“O pé diabético é uma série de alterações que podem comprometer a circulação do sangue das extremidades provocando lesões graves e até mesmo infecções. O autocuidado em diabetes e a educação do paciente são dois componentes vitais no manejo desta doença, que podem reduzir os riscos de desenvolver as comorbidades diabéticas e a progressão da doença”, explicou.

Para ajudar as pessoas a cuidarem desse tipo de enfermidade, Anacelis deu algumas dicas de cuidados de enfermagem que irão contribuir para minimizar os riscos de feridas e infecção nos pés.

Veja abaixo algumas dicas simples para prevenir o pé diabético:

- Cortar as unhas dos pés

-Escolher sapatos confortáveis (evite sapatos com pontas finas e apertados).

-Manter os pés sempre aquecidos.

-Evitar andar descalço e não retirar calos e cutículas.

-Lavar os pés diariamente com água morna e sabonete neutro, secando-os com uma toalha macia antes de vestir meias ou sapatos. Não esqueça de secar entre os dedos.

-Mantenha os pés sempre hidratados.

-Monitorar a glicemia, porque os níveis altos fazem o sangue ter mais dificuldade de chegar às extremidades do corpo, inclusive os pés.

-Mantenha o peso ideal.

-Não use meias apertadas.

-Tenha uma rotina diária de exercícios para as pernas como elevações, fortalecimento da panturrilha e caminhadas.

-Não ande descalço, até mesmo em casa.

-Garanta que os sapatos sejam confortáveis e do tamanho adequando de seu pé.

- Troque as meias todos os dias.

-Em caso de deformidade nos pés, priorize sapatos feitos sob medidas.

 

TI Unimed Teresina