Notícias
Hospital Primavera

Últimas Notícias

Piauiense conquista bronze para o Brasil na Copa Pacífico de Natação

18 de Junho de 2019

A 39ª Copa Pacífico de Natação rendeu medalha para o Brasil e quem a trouxe para o País foi o atleta piauiense Joabe Carvalho, estreante na competição internacional, patrocinado pela Unimed Teresina.

O torneio ocorreu de 12 a 15 de junho, em Lima, no Peru, e contou com uma delegação de 29 atletas juvenis brasileiros (16 meninos e 13 meninas), que competiram nas modalidades revezamento 4x100 metros medley, 100 e 200 metros nado peito.

Da esquerda para a direita, o time do Brasil no nado medley foi representado por Heitor Rayol (Maranhão), José Gustavo (Ceará), Joabe Silva (Piauí) e Daniel Azevedo (Paraíba). Foto: Paulo Vitor Mendes da Costa.

 

Os brasileiros são integrantes da Seleção Brasileira do Norte-Nordeste e competiram com atletas de outros sete países: Bolívia, Colômbia, Chile, Peru, Uruguai, Equador e Paraguai. Ao total, participaram do torneio 213 nadadores.

Joabe Carvalho conquistou a medalha de bronze no revezamento 4x100 metros medley. Nesta prova, que é em equipe, cada nadador realiza uma modalidade de nado. Joabe foi o segundo a cair na piscina, realizando o nado peito. Daniel Azevedo, da Paraíba, entrou primeiro e nadou de costas; José Gustavo Barreira, do Ceará, realizou o nado borboleta depois de Joabe; e Heitor Rayol, do Maranhão, o nado crawl, por último. A equipe fechou a prova no tempo de 4:13.63. Nessa modalidade, o ouro ficou com a equipe do Chile e a prata com o Uruguai.

Na modalidade 100 metros, disputada na última quarta-feira, Joabe ficou em 6º lugar. No sábado, nos 200 metros, ficou em 9º.

O atleta deseja retornar à competição da Copa Pacífico no ano que vem e trazer mais medalhas. “Estou muito feliz pela minha participação na seleção brasileira, por trazer essa medalha para o Brasil e para o Piauí. Faz muito tempo que um nadador piauiense não traz uma medalha internacional para o estado e agora é treinar mais para as competições que estão por vir para trazer mais medalhas”, comemorou. 

 

TI Unimed Teresina